Regional da Transamazônica conclui programação de homenagem aos profissionais da Enfermagem

Em maio foram realizadas diversas ações como, palestras, atividades físicas, apresentações musicais, jogos e concurso de paródias e poesias

O Hospital Regional Público da Transamazônica, unidade que pertence ao governo do Pará e é gerenciada pela Pró-Saúde em Altamira, encerrou a programação alusiva ao mês da Enfermagem.

Com o tema “O melhor de nós para todos nós”, a instituição promoveu diversas ações, entre palestras, oficinas com atividades físicas, apresentações musicais, jogos e concurso de paródias e poesias.

De acordo com Luciane Madruga, enfermeira e diretora Assistencial do HRPT, a enfermagem é a área de atuação que realiza um trabalho benéfico para a população e ouvir os anseios destes profissionais faz com que eles se sintam motivados a realizarem um trabalho qualificado e humanizado.

“São eles que estão ali, no dia a dia do atendimento aos nossos pacientes. São eles que identificam as necessidades e trazem as principais demandas e melhorias, sempre visando a segurança e assistência humanizada aos nossos pacientes”, afirma a diretora.

Homenagens

Durante a programação, os enfermeiros e técnicos de enfermagem receberam homenagens da banda do 51º Batalhão de Infantaria de Selva – (51º BIS), no jardim interno da unidade. Os militares entoaram diversas canções populares. A apresentação durou pouco mais de uma hora.

Além disso, as equipes de enfermagem, em parceria com o Grupo de Trabalho de Humanização (GTH), montaram um mural de fotos para homenagear os enfermeiros e técnicos de enfermagem atuantes do hospital.

1ª Jornada da Saúde da Transamazônica

O Regional da Transamazônica promoveu, pela primeira vez, a 1ª Jornada da Saúde da Transamazônica, evento alusivo ao Maio Verde, que tem como objetivo conscientizar autoridades sanitárias, gestores de hospitais e trabalhadores da saúde sobre a importância do controle das infecções hospitalares.

O evento ocorreu de 16 a 19 de maio, de forma externa, no auditório a Associação do Consórcio Belo Monte (ACBM) e era direcionado aos profissionais e estudantes da área da saúde que desejavam ampliar seus conhecimentos em processos hospitalares e gestão assistencial.

O evento foi composto por mesa redonda e palestras sobre liderança, gerenciamento da assistência de enfermagem e medidas de controle de infecção hospitalar. Contou com a participação de Emanoel Severo, enfermeiro idealizador da campanha “Eu me comprometo a lavar as minhas mãos”. Popularmente conhecido como “Tiozinho do Ônibus”, o enfermeiro sensibilizou o público sobre os impactos da higienização das mãos na rotina pessoal e de trabalho, tudo isso de forma lúdica e incluindo diversos personagens.

Para Tays Sousa, estudante do 6º período do curso de Enfermagem, a jornada foi uma experiência que contribuiu para agregar conhecimento e ampliar a visão crítica além da teoria. “Quanto mais conhecimento, melhor. Gostei muito da palestra sobre infecção hospitalar. Foi impressionante saber que o simples ato de lavar as mãos pode nos livrar de diversas infecções”, comentou.

Concurso de paródia e poesia

Para encerrar a programação, a unidade realizou o 1º Concurso de Paródia e Poesia do HRPT. Idealizado pelo Serviço de Controle de Infecção Hospitalar (SCIH), o objetivo da ação é contribuir para a prevenção de infecções hospitalares, além de promover a segurança do paciente, profissionais da saúde e da população.

As apresentações envolveram diversos setores do HRPT e foram realizadas em dois turnos: manhã e tarde. Além disso, o evento contou com a participação de jurados, que foram selecionados criteriosamente entre profissionais da saúde.

Os vencedores do concurso de paródia foram: Em primeiro lugar ficou o setor de hemodiálise, em segundo, o Serviço de Apoio ao Diagnóstico Terapêutico (SADT) do hospital, e em terceiro, a equipe do Serviço de Higienização e Limpeza (SHL).

Já os vencedores do concurso de poesia foram: O primeiro lugar ficou o setor do Núcleo Interno de Regulação (NIR), e em segundo, houve empate técnico entre os setores da Central de Material e Esterilização (CME) e Núcleo de Educação Permanente (NEP).

O Regional da Transamazônica é uma unidade do Governo do Estado do Pará, reconhecido nacionalmente entre os melhores hospitais públicos do Brasil e possui a certificação ONA 3 Acreditado com Excelência, concedido pela Organização Nacional de Acreditação (ONA).