Hospital Regional de Altamira dá dicas de como cuidar bem da voz

Os colaboradores fizeram exercícios de aquecimento, respiração e alongamentos

Trabalhando como auxiliar de higiene e limpeza no Hospital Regional Público da Transamazônica (HRPT), em Altamira, no sudoeste do Pará, o colaborador Luiz dos Santos utiliza diariamente sua voz, ao falar com usuários, acompanhantes e colegas. Além disso, quando não está na unidade, ele também precisa muito dela, já que se apresenta e faz gravações como cantor.

Por isso, Luiz foi um dos participantes da palestra sobre cuidados e bom uso da voz, promovida nesta sexta-feira (20/4), no auditório do HRPT. Para Luiz, tudo o que aprendeu nesta manhã será fundamental para cantar e mesmo se comunicar melhor. “É muito importante, aprendi muitas coisas que não sabia e agora vou colocar em prática. Aquecimento vocal, alongamentos, alimentação, respiração. Vou fazer tudo para melhorar”.

A atividade ensinou alguns exercícios de aquecimento e de alongamento para o desenvolvimento da voz, além de trabalhar a importância da respiração, de alguns alimentos e da água para a saúde vocal. A palestra foi ministrada pelas fonoaudiólogas da unidade, Alessandra Viterbino e Eldjane Melo, para duas turmas de colaboradores.

Problemas e doenças nas cordas vocais também foram abordados na palestra, assim como alguns mitos e verdades sobre práticas que fazem mal à voz – como beber muito café, água muito gelada, comidas gordurosas, ingerir bebidas alcoólicas e fumar. Tudo com o objetivo de conscientizar os participantes.

“Queremos passar aos colaboradores o quanto é importante o cuidado com a voz. Isso é fundamental para todas as pessoas, a voz é nossa identidade, nossa personalidade. Aqui passamos dicas, cuidados, o que é certo e errado, o que pode alterar a voz, quem procurar em caso de problemas. Enfim, tudo o que se pode fazer para ter uma voz bonita e com qualidade”, explica a fonoaudióloga Alessandra Viterbino.

Campanha da Voz          

O Hospital Regional de Altamira, que é gerenciado pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar por meio de contrato com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), aderiu à Campanha da Voz, da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia, que destaca a importância da voz humana e da prevenção e diagnóstico precoce de doenças vocais. O Dia Mundial da Voz foi comemorado no dia 16/4 e a palestra do HRPT foi alusiva à campanha.

“Nós temos aqui no hospital pessoas que utilizam bastante a voz, que falam o dia inteiro e não tinham noção dos malefícios que isso pode causar e nem dos benefícios de você cuidar adequadamente da voz. O nosso setor de fonoaudiologia viu a necessidade de oferecer essas orientações com o objetivo de mostrar aos colaboradores que é possível sim trabalhar bem a voz e prevenir possíveis doenças”, destaca o diretor-geral do HRPT, Edson Primo.