Novos cipeiros tomam posse no Hospital Regional de Altamira

Os novos cipeiros recebem o certificado do curso

O Hospital Regional Público da Transamazônica (HRPT) ganhou uma nova equipe para ajudar o Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (Sesmt) no trabalho de orientação e prevenção dos acidentes. Trata-se da nova gestão da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa) 2018/2019, que tomou posse em uma cerimônia, na sala de reuniões.

Foram 18 colaboradores convocados à cerimônia de posse, entre os indicados pela direção do hospital e os eleitos – titulares e suplentes – pelos próprios colegas, em votação interna. Os novos cipeiros passaram por 20 horas de treinamento na unidade, para entender como funciona a Cipa e quais as atribuições dos membros.

“Esse ano, nós do Sesmt ficaremos ajudando, dando um apoio à Cipa no que houver necessidade. Temos na comissão representantes dos colaboradores, eleitos em votação, e da direção, que foram indicados. O papel da Cipa é muito importante, ela atua prevenindo acidentes, com orientações, investigações e análises do que pode ser feito para evitá-los”, explicou o técnico de Segurança do Trabalho, Loghan Marinho, que terminou seu mandato como presidente da Cipa no início deste ano.

Além da posse, os novos presidente e vice-presidente também foram oficializados. A partir de agora, a enfermeira Mayara Kelly Carvalho assume a presidência, sendo auxiliada pelo eletricista Edmilson Santana da Silva. “Eu fiquei muito surpresa pela indicação e muito honrada com a confiança que me foi dada. Vamos trabalhar para garantir a segurança dos colaboradores, dos pacientes e para que o trabalho da Cipa evolua cada vez mais. Eu sempre vi os membros da comissão como aqueles que tinham um olhar diferenciado sobre os riscos, viam coisas que às vezes nós não vemos no dia a dia. E, hoje, como cipeira eu pretendo também ter esse olhar. Trabalhando na assistência, vou procurar verificar esses riscos junto com os outros membros da equipe”, afirmou a nova presidente, Mayara Carvalho.

A cerimônia aconteceu no dia 31/1 e os novos cipeiros receberam os certificados de realização do curso, além de já marcarem a primeira reunião da comissão em 2018, que acontecerá na próxima sexta-feira, 9/2.

A comissão

A Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa) é normatizada pela Norma Regulamentadora nº 05, aprovada pela Portaria nº 3.214, de 08 de junho de 1978 e atualizada pela Portaria SIT n.º 247, de 12 de julho de 2011, do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).

Ela objetiva prevenir acidentes e doenças decorrentes do trabalho, além de promover a saúde e preservar a vida e a segurança do trabalhador. A Cipa realiza várias ações durante o ano, como realização de blitz aos colaboradores com orientações de trânsito do programa ‘Direção Viva’, entre outros. Mas a principal programação da comissão, em parceria com o Sesmt, é a Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho (Sipat), que em 2017 foi promovida entre julho e agosto e teve como foco principal os acidentes com materiais perfurocortantes e a utilização correta dos equipamentos de proteção.

Além de cumprir o determinado pela lei, a Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, entidade que gerencia o HRPT, por meio de contrato com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), reafirma, com a Cipa, um de seus principais valores: o respeito e a valorização do ser humano.